CBÜ Bed Eğt Spor Bil Dergisi

Okuyucu Yorumları

Benefícios Da Vitamina A Diferença

GiovannaBernardes Gouveia tarafınan (2019-01-15)


Benefícios Da Vitamina A Diferença

A sabedoria humana vai além do conhecimento científico. A farinha de pão contribui para nossa alimentação porque este ingrediente é a base de nossa alimentação, pois é rico em carboidratos, vitamina B, ferro zinco e fibra alimentar. Contudo, deve-se alertar para fato de que carboidratos em excesso causam sobrepeso porque biologicamente, amido deste composto se transforma em açúcar em nosso organismo. Outro detalhe importante alertar é que pessoas alérgicas ao glúten não devem consumir a farinha de pão, visto que trigo é rico nessa substância.

Sou José Ozani fui diagnosticado com início de Packson, gostaria de saber dicas da ALIMENTAÇÃO Depoimentos de pessoas que estão bem com tratamento da vitamina DE que fizeram mais para Abraço e agradeço a quem puder me ajudar. Neste artigo, você vai conhecer as funções da vitamina B12, seus benefícios, os efeitos da deficiência e uma lista com alguns alimentos ricos em vitamina B12.

A grande maioria das pessoas deficientes em vitamina d irá apresentar sintomas somente na idade adulta, sobretudo na terceira idade (a partir dos 65 anos), por isso tomar cuidado com a falta deste nutriente é vital para nosso organismo, e é importante desde a juventude. Um simples exame de sangue detecta os níveis de Vitamina D e deve ser solicitado pelo médico. As queixas mais comuns de deficiência são dores ósseas (latejamento e desconforto) na coluna lombar, quadril, pernas, além de dor e fraqueza na musculatura dos braços. Existe também um risco aumentado de fraturas e osteoporose. Muitos pacientes queixam-se de fraqueza e desânimo. Ressalta-se ainda que excesso também é prejudicial, podendo causar hipercalcemia, sendo assim, acompanhamento médico é importante.

Evite comprar alimentos industrializados: enlatados, ensacados,etc. Estes alimentos contêm diversos produtos químicos. Antigamente, as pessoas comiam poucos alimentos industrializados e não havia tantas do­enças como hoje. Comendo alimentos naturais, produzidos ecologicamente, nosso organismo até consegue aguentar uma pequena parcela dealime s industrializados. problema é que as pessoas baseiam sua alimentação em alimentos artificiais. Daí resulta uma vida artificial, uma saúde falsa e de pouca duração. Nutricionistas e químicos que estudam os componentes químicos procuram sempre se alimentar de maneira bem tradicionali e simples, eliminando produtos industrializados de sua dieta, porque eles sabem mal que estes produtos podem causar. Lembre-seque nosso sangue se renova em cerca de 10% ao dia à custa dos alimen­tos que ingerimos. Esse sangue renovado vai alimentar nossas células, em constante renovação.

Vitamina E: A vitamina E melhora a qualidade do muco cervical aumentando a chance de implantação dos óvulos fertilizados. Além disso, prolonga a vida útil do esperma dentro da mulher em cerca de 2 dias, aumentando as chances de fecundação. É extremamente importante olhar bem os rótulos para não comprar vitamina E sintética. Além de ser natural, a vitamina E deve possuir uma combinação de tocoferóis e tocotrienóis. Caso não conseguir uma vitamina que tenha os 8 isômeros: 4 tocoferóis (alfa-tocoferol, beta-tocoferol, gama-tocoferol e delta-tocoferol) e os 4 tocotrienóis (alfa-tocotrienol, beta-tocotrienol, gama-tocotrienol e delta-tocotrienol), procure ao menos um suplemento que tenha os 4 tocoferóis, como é exemplo do 2º suplemento indicado. Procure sempre os tocoferóis em sua forma natural, que é quando possui "d", na frente, como por exemplo, d-alfa-tocoferol, nunca dl-alfa-tocoferol (perceba que tem um "l" junto com "d", significa que é sintético).

Relacionando a informação acima, sabe-se que a estação meteorológica da cidade de Nampula encontra-se próximo do equador, onde se verifica uma grande quantidade da radiação solar que chega na superfície terrestre, isto no verão, sol percorre distâncias curtas, isto é, dias em que as noites são longas e os dias são curtos e no Inverno com dias longos e noites curtos.

Sendo assim, a recomendação de uma quantidade de exposição solar pode ser impraticável considerando os numerosos fatores que influenciam a formação de vitamina através da radiação ultravioleta. Além disso, é difícil definir uma dose que represente um risco mínimo de câncer de pele. Portanto, a obtenção de vitamina D por meio de alimentos como substitutos da exposição solar pode ser uma forma de abster risco de câncer de pele.

Essas informações são super úteis e precisam mesmo ser divulgadas. Realmente a indústria não tem nenhum interesse que as pessoas tomem sol sem protetor e nós é quem pagamos pato. Lembro que no início dos anos 80 ficávamos até com a pele ardida, mas não usávamos protetor solar qdo íamos à praia.

A grande surpresa é que, na raiz de todos esses mecanismos envolvendo nossa saúde geral a qual a devemos à luz do Sol, está uma molécula orgânica singular. Certamente, a mais mal compreendida dentre tantas outras moléculas importantes para a vida biológica.

Pele escura e protetor solar: Pessoas com pele escura ou aqueles que usam protetor solar tópico estão em maior risco de deficiência devido a uma redução na capacidade do corpo para produzir vitamina D na pele. A vitamina D, outro componente de Ad-til®, é por excelência anti-raquítica e fixadora do cálcio e fósforo. É, portanto, uma vitamina indispensável em qualquer época da vida humana. Influi no crescimento, desenvolvimento e na dentição".